domingo, 11 de setembro de 2016

Simplesmente....Mudar tudo!!


Faz 1 mês que estou a viver com a minha família na Suécia, numa pequena cidade que se chama Kalmar. Em pouco tempo tive de destralhar toda a casa, e... achava eu que já tinha tudo destralhado. Escolher o essencial para colocar numa mala de viagem, e... percebi que afinal conseguia viver com muito pouco. Dizer adeus aos familiares e amigos, e... nunca tive jeito para isso e prefiro dizer até já. 

Tive pouco acesso ao facebook, ao email e ao telefone. E custou muito não estar sempre online.

Mudei-me para uma casa pequena, sem nada lá dentro, e sem elevador. Desde o primeiro momento que entrei na casa, decidi simplesmente que aqui vou ser Feliz!

11 comentários:

  1. Ligia, em termos materiais, realmente nós conseguimos viver com muito menos, mas muito menos mesmo, do que habituamos toda a vida! Já passei por uma situação destas de ter de "empacotar" metade da vida e "arrecadá-la" numa garagem (não me consegui desfazer das coisas.... pode ser que um dia....) e o que é certo é que continuo a viver e não sinto falta das toneladas de coisas que tenho arrecadadas! Deste que estejamos ao lado de quem nos quer bem, só há uma hipótese: Sermos felizes, onde quer que estejamos! Por isso: SEJA FELIZ!
    .... mas.... não deixe de nos inspirar com os seus artigos! Continuo a precisar de forças para um dia destralhar e ficar com mais espaço na garagem e na vida!
    Beijinhos
    Rita de Cássia Rodrigues

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Rita pelas palavras tão simpáticas!
      Na verdade quem tem blog e facebook, por vezes questiona-se se vale mesmo a pena continuar...você deve saber :)
      E de vez em quando recebemos mensagens que nos dão motivação, para acordar mais cedo e escrever um pouco..e que bom que serve de motivação.
      Bjs e força na caminhada do destralhar!!

      Eliminar
    2. Verdade Lígia!
      Boa Sorte na Suécia e que corra tudo pelo melhor!
      Beijinhos!

      Eliminar
  2. Acho que precisava de um momento desses para me livrar do muito que ainda anda lá por casa.
    Faço votos de que seja mesmo Feliz nessa nova terra.
    E que continue a trazer-nos as dicas que ainda tanta falta me fazem! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada!!
      E vamos lá continuar a destalhar :)

      Eliminar
  3. Que CORAGEM! Muitas felicidades Ligia! Todos os dias me esforço por destralhar um pouco o físico, digital e mental :)

    ResponderEliminar
  4. Olá Lígia, conheci-a através da palestra que deu no Maia Go e desde então tenho-a seguido através dos posts :) Tudo de bom nesta nova etapa!

    Beijinho, 🎀
    Vânia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Vânia!
      Está a correr muito bem! O mais difícil mesmo é destralhar a mente, tudo o resto já foi destralhado :)

      Eliminar
  5. Olá Lígia!

    Ando há algum tempo a tentar destralhar cá por casa e confesso que já passei diversas vezes por aqui... Hoje voltei pq estou prestes a fazer o q a Lígia fez no ano passado... mudar de país com a família junto e sinto que vai ser um desafio bem grande. Resolvi deixar este meu comentário na esperança que a Lígia tenha alguma lista dos "To Do" para uma mudança de país que em ajude a organizar este grande projeto.

    Obrigada,
    Luz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Luz!
      Peço descula pela demora da resposta.
      Por incrível que pareça, não tenho nenhuma checklist de mudança. O que fiz:
      - Destralhar: Já tinha muito pouca coisa, porque ao longo dos anos fui destralhando. Uns meses antes de mudar de casa comecei a destralhar cada quarto e a deixar apenas o essencial.
      - Na mudança enviei 10 caixas por uma transportadora. Comecei a arrumar em caixas as coisas para levar na última semana.
      - Limitar: toda a família escolheu apenas o essencial para levar, desde roupas, livros, brinquedos, documentos.
      - Nas caixas foram alguns electrodomésticos e produtos para a cozinha que deu muito jeito porque não ocuparam muito espaço.
      - Vendi muitas coisas numa loja de segunda mão, tal como objetos mais pequenos e de valor simbólico. Normalmente não se ganha muito dinheiro, mas quando se muda de casa o importante é retirar as coisas que não precisamos de casa.
      - Objetos mais valiosos vendi no OLX. Conseguimos ganhar mais dinheiro do que numa loja de segunda mão.
      - Alguns objetos de valor mais sentimental preferi dar a amigos ou alguém que poderia valorizar.
      - Também tive sorte porque a senhora que fazia limpeza na minha casa, disse que poderia ficar com algumas coisas. Ficou com tapetes, roupas de cama, brinquedos, etc... Levou para a aldeia onde viviam os pais e distribuiu por algumas pessoas que precisavam de ajuda.
      - Importante comprar caixas e produtos de embalar de qualidade!

      Vim com poucas coisas, trouxe o essencial o que "toca" mesmo no coração :)


      Espero ter ajudado & boa sorte para a nova mudança!

      Eliminar